Novidades 13/08/2021

Apartamento conceito aberto: esse estilo vai te conquistar, conheça!

Quem gosta de espaços amplos, confortáveis, arejados e iluminados pode gostar do apartamento conceito aberto. 

Nesse tipo de construção, há o menor número possível de paredes entre os espaços de uso comum do apartamento. São usadas paredes apenas para cômodos privativos, como banheiros.

A seguir, você poderá entender como esse conceito surgiu, suas vantagens e dicas para integrar ambientes.

Como surgiu o conceito aberto?

A tendência de unificar vários cômodos ganhou força nos últimos anos. O conceito aberto passa um ar de modernidade e liberdade, mas não é novo. 

Ele surgiu na década de 1990, em Nova York, quando prédios industriais passaram por um processo de revitalização. Esses prédios industriais foram transformados em apartamentos residenciais.

A tendência, iniciada em bairros como o Brooklyn, passou a se espalhar pelos Estados Unidos. E então suas principais características foram consolidadas, com a integração da casa, visualização do ambiente como um todo e boa disposição dos móveis.

Quais as vantagens do apartamento conceito aberto?

Uma das principais e primeiras vantagens do conceito aberto é a possibilidade de aproveitar todos os ambientes de um imóvel como um todo. Além disso, facilita que sejam feitas várias atividades ao mesmo tempo. Por unificar os ambientes, também incentiva o convívio familiar. Ao receber visitas, elas podem aproveitar uma área maior para circular.

Mas uma das vantagens mais marcantes do apartamento de conceito aberto pode ser sentida em imóveis menores. O conceito dá a impressão de espaço maior. Por isso, apartamentos menores são os principais beneficiados com essa tendência.

Atualmente, cresce o número de moradores de espaços menores, e por isso o conceito aberto torna-se ainda mais popular, permitindo que metragens menores sejam melhor aproveitadas.

Mas, claro, o estilo também é uma grande vantagem. Esse tipo de layout transforma espaços em locais aconchegantes e modernos.

O que é preciso para ter conceito aberto em apartamento?

Em geral, os cômodos mais unificados são as salas de estar, de jantar e cozinha. Quartos e banheiros costumam ser separados, embora os primeiros também possam ser unificados. A popularidade desse conceito fez com que fossem construídos até mesmo prédios explorando esse diferencial.

Um dos detalhes mais importantes para ter um apartamento com conceito aberto é a integração entre ambientes e decoração. Os itens do espaço devem ter alguma coerência e deve haver investimento para que os cômodos sejam harmônicos. O ideal é procurar profissionais qualificados para aplicar o conceito no imóvel.

Dicas de decoração para um apartamento conceito aberto

Apesar de ser cada vez mais popular, muita gente ainda tem dúvida sobre como decorar um apartamento de conceito aberto. Por isso, separamos algumas dicas para te ajudar.

Harmonia entre os ambientes

O principal ponto que deve receber atenção é a harmonia entre os ambientes. Ou seja, os ambientes integrados devem “conversar” entre si. Isso não significa que os móveis e cores precisam ser iguais. A ideia de “conversar” entre si significa que eles devem se complementar.

Móveis como divisores

Esse tipo de imóvel dispensa o uso de paredes dividindo os ambientes. Por isso, uma regra comum na decoração de apartamentos de conceito aberto é não encostar todos os móveis na parede. Em vez disso, os móveis devem ajudar a delimitar os espaços e criar uma espécie de divisão entre os ambientes. Um sofá, por exemplo, pode delimitar o espaço da área da sala de estar.

Tapetes utilitários

Tapetes também são itens que podem ser usados para criar divisão entre os espaços. Em conceito aberto, é mais comum que o piso seja o mesmo, para mostrar continuidade entre os ambientes. Por isso, os tapetes podem ajudar a delimitar espaços de forma mais discreta.

Nesse caso, entretanto, é importante escolher modelos de tapetes harmoniosos entre si. Não precisam ser vários tapetes iguais, mas sim com cores ou estampas que se complementam e combinam. Tapetes de cores claras ajudam a deixar o espaço com maior sensação de amplitude.

Qual a função de cada ambiente?

Não é porque os ambientes são integrados que tudo deve ser feito em qualquer lugar. 

A sala de jantar continua sendo para refeições, por isso deve ter mesa e cadeiras, por exemplo. A sala de estar pode ser decorada com sofá e poltronas confortáveis. 

A cozinha deve ter lugar para acomodar os utensílios domésticos. Uma coifa é um item muito recomendado, para evitar o cheiro de fumaça do preparo dos alimentos por todos os ambientes.

Outras observações para você cuidar na estrutura de um conceito aberto:

A importância da circulação

Um apartamento de conceito aberto possui dinamismo entre os ambientes. Mas é importante garantir que haja boa circulação em todos eles, sem móveis impedindo a passagem.

Integração com a varanda

O conceito aberto pode ficar ainda mais confortável após integrar a varanda com ambientes internos do apartamento. A prática fica ainda melhor para quem pretende fazer uma varanda gourmet. Mas, nesse caso, há uma maior importância na escolha dos móveis que ficam na área externa: eles devem ser mais resistentes.

Dicas para integrar cozinha/sala e sala/varanda

Uma das formas mais comuns de usufruir do apartamento conceito aberto é integrando a cozinha com a sala ou a sala com a varanda.

A forma mais comum de integrar uma sala de estar com a cozinha é adotando o modelo de cozinha americana. Dessa forma, é possível aproveitar mais o espaço e ter uma melhor organização dos dois ambientes. Ao receber uma visita, por exemplo, quem está na cozinha ainda poderá ver e se comunicar facilmente com quem está na sala de estar.

Na decoração, o ideal é que os móveis mantenham um padrão. O balcão da cozinha americana, responsável por “unir” os dois ambientes, deve combinar os estilos da cozinha e da sala de estar.

No caso da integração entre sala e varanda, também bastante comum, uma das práticas mais populares é a implantação de um mini jardim na varanda, com hortaliças, por exemplo. Se for uma varanda gourmet, vale investir em churrasqueira, além de cadeiras, sofá e até mesmo televisão.

Mas quando a varanda é pequena, deve-se evitar muitos móveis e itens. Nesse caso, o recomendado é aderir a uma decoração leve e mais neutra, para que o local não pareça ainda menor e tumultuado.

Que tal começar a planejar a decoração do seu apartamento conceito aberto? Você sabe qual o estilo que mais combina com você? Faça o quiz e descubra!

Uma ótima opção para implantar o conceito aberto na estrutura do seu apartamento é comprar o imóvel na planta. Alguns dos nossos empreendimentos possuem plantas flexíveis em algumas etapas da obra, o que evita reformas e transtornos caso desejar aplicar o conceito aberto em sua nova residência. 


O Santé, por exemplo, é um empreendimento na planta da Monterre, que pode ter o projeto flexível. Venha conferir mais de perto os detalhes desse espaço.